Entre em contato via e-mail, Whatsapp ou redes sociais:

Circulação dirigida em Brasília, municípios goianos do Entorno do Distrito Federal e Goiânia. As matérias assinadas não representam, necessariamente, o ponto de vista deste jornal, sendo estas de responsabilidade de seus autores.

Matriz (Brasília): Qd. 2, Conjunto G, Casa 25, Candangolândia - CEP 71725-207 / Sucursal (Luziânia): Rua Padre Primo, sala 03, nº 67, Centro


Editora Comunicação e Marketing Ltda - Fone: 61 9 8124-1033 CEP 72800-620

  • whats
  • Facebook - Grey Circle
  • Twitter - Grey Circle
  • G+ - Grey Circle
  • YouTube - Grey Circle
  • Instagram - Grey Circle

Pecuária sem risco - Governo acelera auditorias e garante qualidade da carne

Em reunião com embaixadores, presidente Michel Temer e ministros de Estado tranquilizaram os representantes dos países importadores sobre o rigor na fiscalização sanitária

 

O governo federal tem acelerado as auditorias nos 21 frigoríficos citados na Operação Carne Fraca, deflagrada pela Polícia Federal. Em reunião com embaixadores de países importadores, o presidente da República, Michel Temer, fez um balanço das ações do Executivo e garantiu a qualidade e o rigor das inspeções dos produtos brasileiros.


Temer, acompanhado dos ministros da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), Blairo Maggi; e da Indústria, Comércio Exterior e Serviços (MDIC), Marcos Pereira, e de representantes de outras pastas, recebeu 33 embaixadores de países compradores de carne, dia 19 de março, no Palácio do Planalto.


Na conversa com os embaixadores, Temer ressaltou que os produtos brasileiros, ao longo do tempo, conquistaram a aprovação dos consumidores e dos mercados mais exigentes do ponto de vista de fiscalização e defesa agropecuária. Além disso, destacou o rigor dos serviços de inspeção do Mapa em produtos animais.


“O governo federal quer reiterar a sua confiança na qualidade no nosso produto nacional”, afirmou o presidente, ao abrir o encontro com os embaixadores. “Esse padrão de excelência é que ao longo do tempo abriu as portas de mais de 150 países, com permanente auditoria, monitoramento e avaliação de risco”, completou.

Compartilhe no Facebook
Compartilhe no Twitter
Please reload