Entre em contato via e-mail, Whatsapp ou redes sociais:

Circulação dirigida em Brasília, municípios goianos do Entorno do Distrito Federal e Goiânia. As matérias assinadas não representam, necessariamente, o ponto de vista deste jornal, sendo estas de responsabilidade de seus autores.

Matriz (Brasília): Qd. 2, Conjunto G, Casa 25, Candangolândia - CEP 71725-207 / Sucursal (Luziânia): Rua Padre Primo, sala 03, nº 67, Centro


Editora Comunicação e Marketing Ltda - Fone: 61 9 8124-1033 CEP 72800-620

  • whats
  • Facebook - Grey Circle
  • Twitter - Grey Circle
  • G+ - Grey Circle
  • YouTube - Grey Circle
  • Instagram - Grey Circle

Polícia e sociedade traçam rumos para minimizar violência em Luziânia

 

A prefeitura de Luziânia, através da Secretária Municipal de Segurança e Cidadania, retomou na quarta-feira, dia 15 de março, os trabalhos do Gabinete de Gestão Integrada Municipal, visando unir esforços para combater a criminalidade na Região da grande Luziânia. O encontro contou com a participação de representantes do Ministério Público, OAB, sistema prisional, secretários municipais, Câmara Municipal, delegados e policiais militares, entre eles, o comandante do 10 Batalhão de PM, Major Clemente.

 

“O Gabinete de Gestão Integrada Municipal é o canal de conexão e coordenação de todos os órgãos de segurança pública do município que atuam no município. Com este modelo visamos melhorar a coordenação dos diversos esforços realizados para produzir segurança pública a partir da prevenção e repressão ao crime e à violência na cidade” explicou o secretário Hildo Aniceto.


Além de medidas preventivas, através da educação, foram repassadas sugestões e algumas opiniões sobre a implantação de um modelo mais eficiente para conter a violência no município. O delegado Rodrigo Mendes lembrou que tanto a Polícia Civil, como a Polícia Militar, tem feito sua parte. Ele citou dados estatísticos que mostraram um crescimento proporcional entre os crimes e a repressão. “Cresceu o número de crimes, mas também aumentou a quantidade de bandidos que estão presos”, observou.

Compartilhe no Facebook
Compartilhe no Twitter
Please reload