Entre em contato via e-mail, Whatsapp ou redes sociais:

Circulação dirigida em Brasília, municípios goianos do Entorno do Distrito Federal e Goiânia. As matérias assinadas não representam, necessariamente, o ponto de vista deste jornal, sendo estas de responsabilidade de seus autores.

Matriz (Brasília): Qd. 2, Conjunto G, Casa 25, Candangolândia - CEP 71725-207 / Sucursal (Luziânia): Rua Padre Primo, sala 03, nº 67, Centro


Editora Comunicação e Marketing Ltda - Fone: 61 9 8124-1033 CEP 72800-620

  • whats
  • Facebook - Grey Circle
  • Twitter - Grey Circle
  • G+ - Grey Circle
  • YouTube - Grey Circle
  • Instagram - Grey Circle

Câmara inicia convocação dos aprovados no concurso

A Câmara Municipal de Luziânia convocou cinco aprovados no concurso público para preenchimento de cargos no Legislativo luzianiense. A expectativa do presidente Casa de Leis, Murilo Roriz, é de que este número cresça e mais aprovados sejam chamados. “ O concurso público é uma grande conquista para a Câmara, porque é através do processo seletivo que se permite o acesso ao emprego, ou cargo público, de modo amplo e democrático”, afirmou Murilo.

 

Segundo o parlamentar, as nomeações vão ser efetivadas de forma transparente para que não haja nenhuma dúvida quanto à contratação destes novos servidores. O Presidente do Legislativo luzianiense destacou que o principal objetivo é agregar e otimizar o serviço da Casa. Os interessados devem acompanhar todas as notícias sobre o andamento da convocação deste concurso através da mídia impressa, nas redes sociais e no site www.luziania.leg.go.br. Os primeiros cargos a serem preenchidos serão na área de informática. Por enquanto cinco aprovados estão sendo convocados.

 

A realização do concurso foi possível após vários estudos e a constatação de que o Legislativo apresentava carência de servidores em alguns cargos e setores da área administrativa. Por isso uma Comissão Especial, formada com a participação de vereadores e servidores, elaborou relatório de estudo e de viabilização do concurso público para a Casa de Leis do município. Outra conquista foi o aval do Ministério Público para a realização do processo seletivo mesmo em ano eleitoral (ano passado). Segundo o MP, é totalmente admissível a continuação do mesmo.

 

Compartilhe no Facebook
Compartilhe no Twitter
Please reload