Entre em contato via e-mail, Whatsapp ou redes sociais:

Circulação dirigida em Brasília, municípios goianos do Entorno do Distrito Federal e Goiânia. As matérias assinadas não representam, necessariamente, o ponto de vista deste jornal, sendo estas de responsabilidade de seus autores.

Matriz (Brasília): Qd. 2, Conjunto G, Casa 25, Candangolândia - CEP 71725-207 / Sucursal (Luziânia): Rua Padre Primo, sala 03, nº 67, Centro


Editora Comunicação e Marketing Ltda - Fone: 61 9 8124-1033 CEP 72800-620

  • whats
  • Facebook - Grey Circle
  • Twitter - Grey Circle
  • G+ - Grey Circle
  • YouTube - Grey Circle
  • Instagram - Grey Circle

Pábio Mossoró realiza última audiência pública para discussão do Plano Plurianual (PPA)

O evento realizado na Câmara Municipal contou com a participação do auditor de controle externo da Secretaria de Contas do Governo do TCM- GO

 

O prefeito de Valparaíso de Goiás, Pábio Mossoró (PSDB). promoveu a 10ª e última audiência pública para discussão do Plano Plurianual (PPA). 

 

O evento realizado na Câmara Municipal de Valparaíso de Goiás, contou com a participação do auditor de controle externo da Secretaria de Contas do Governo do Tribunal de Contas dos Municípios do Estado de Goiás (TCM – GO), Gabriel Pereira Fé Junior.

 

A população aproveitou o momento para entender os procedimentos e importância das leis que regem o orçamento público do governo: Plano Plurianual (PPA), Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) e Lei Orçamentária Anual (LOA). “É uma satisfação grande participar de um momento como esse. O intuito do Tribunal, antes mesmo de fiscalizar, é esclarecer à população quanto o planejamento do governo em curto e médio prazo e orientar a gestão para que os recursos sejam aplicados da melhor forma possível”, ressaltou o auditor.

 

Ao longo das audiências, cerca de 1.300 pessoas puderam registrar suas sugestões, reclamações e pedidos de melhorias para o bairro. As principais solicitações foram: segurança pública, asfalto, iluminação pública, construção de creches, escolas, áreas de lazer e saneamento.

 

Com as reclamações e sugestões de obras e melhorias para o bairro, o governo poderá elaborar um projeto coeso para o quadriênio 2018-2021. Sem esse planejamento, corre-se o risco de ineficiência para efetivação das metas e objetivos.

 

Foto: Sérgio Grant

Compartilhe no Facebook
Compartilhe no Twitter
Please reload