Entre em contato via e-mail, Whatsapp ou redes sociais:

Circulação dirigida em Brasília, municípios goianos do Entorno do Distrito Federal e Goiânia. As matérias assinadas não representam, necessariamente, o ponto de vista deste jornal, sendo estas de responsabilidade de seus autores.

Matriz (Brasília): Qd. 2, Conjunto G, Casa 25, Candangolândia - CEP 71725-207 / Sucursal (Luziânia): Rua Padre Primo, sala 03, nº 67, Centro


Editora Comunicação e Marketing Ltda - Fone: 61 9 8124-1033 CEP 72800-620

  • whats
  • Facebook - Grey Circle
  • Twitter - Grey Circle
  • G+ - Grey Circle
  • YouTube - Grey Circle
  • Instagram - Grey Circle

No Paraguai: Imprensa questiona Marconi sobre candidatura à Presidência

Na entrevista coletiva que concedeu à imprensa do Paraguai para relatar o teor do encontro com o presidente Horácio Cartes, o governador Marconi Perillo foi questionado sobre sua intenção de disputar o Palácio do Planalto em 2018. “Quero concluir bem meu quarto mandato como governador”, respondeu Marconi, assim como vem dizendo à imprensa brasileira quando questionado sobre uma eventual candidatura presidencial.


“Não estou pensando nisso. Estou concluindo meu quarto mandato como governador do Estado. São 16 anos, intercalados por um período de quatro anos quando fui senador da República. Penso agora em concluir bem este último mandato e depois vou ver como posso contribuir com o Brasil”, disse o governador. “Provavelmente, isto ainda não está certo (vou contribuir) como presidente nacional do meu partido, o PSDB”, afirmou.

 

Reunião com Horácio Cartes


No encerramento da Missão Comercial do Governo de Goiás ao Cone Sul, o governador Marconi Perillo (PSDB) esteve reunido por uma hora com o presidente do Paraguai, Horácio Manuel Cartes Jara, em Assunção, para tratar da ampliação da integração econômica entre o país sul-americano e o Brasil Central. Marconi apresentou as potencialidades e oportunidades de negócios em Goiás e no Brasil Central e deu início às tratativas para a realização de uma missão oficial do governo do Paraguai a Goiânia no ano que vem, proposta prontamente acatada pelo presidente.


No encontro, Marconi e Cartes falaram sobre as perspectivas de crescimento das economias da América do Sul, o Mercosul, obras e parcerias para aumentar a integração do Brasil com o Cone Sul e a geração de empregos – desafio comum de toda a região. Marconi presenteou o presidente do paraguaio como uma tela do artista Antônio Poteiro.

 

Compartilhe no Facebook
Compartilhe no Twitter
Please reload