Cristóvão quer afastar unidade prisional do centro para oferecer mais segurança

O prefeito de Luziânia, Cristóvão Tormin (PSD), solicitou ao Diretor Geral de Administração Penitenciária de Goiás, Cel. Urzêda, a transferência do Centro de Prisão Provisória (CPP) para outra localidade mais afastada, atendendo antiga reivindicação daqueles moradores que se sentem inseguro com o complexo prisional. A reivindicação foi feita durante a solenidade de entrega da reforma e ampliação da unidade prisional do semiaberto de Luziânia. Também prestigiou o evento o Presidente da Câmara Municipal de Luziânia, Paulinho Cabeleireiro.

2 visualizações0 comentário