Entre em contato via e-mail, Whatsapp ou redes sociais:

Circulação dirigida em Brasília, municípios goianos do Entorno do Distrito Federal e Goiânia. As matérias assinadas não representam, necessariamente, o ponto de vista deste jornal, sendo estas de responsabilidade de seus autores.

Matriz (Brasília): Qd. 2, Conjunto G, Casa 25, Candangolândia - CEP 71725-207 / Sucursal (Luziânia): Rua Padre Primo, sala 03, nº 67, Centro


Editora Comunicação e Marketing Ltda - Fone: 61 9 8124-1033 CEP 72800-620

  • whats
  • Facebook - Grey Circle
  • Twitter - Grey Circle
  • G+ - Grey Circle
  • YouTube - Grey Circle
  • Instagram - Grey Circle

Caiado apresenta projeto de preservação do Rio Araguaia ao embaixador alemão

 As belezas do Rio Araguaia e os esforços do governo estadual para conservação deste patrimônio natural dos goianos foram assunto do encontro entre o governador Ronaldo Caiado, acompanhado pela primeira-dama Gracinha Caiado, e o embaixador da Alemanha, Georg Witschel, e comitiva, na sexta-feira, dia 27, no Palácio Pedro Ludovico Teixeira, em Goiânia. Na visita, o governador apresentou aos alemães os detalhes do “Juntos Pelo Araguaia”, projeto lançado em junho deste ano em uma parceria dos governos de Goiás, Mato Grosso e a União. O programa está focado na recomposição florestal, conservação de solo e água, além de ações paralelas nos municípios envolvidos.

“Como não temos litoral, nossa praia é o Araguaia”, salientou o governador, ressaltando o empenho, junto à secretária do Meio Ambiente, Andréa Vulcanis, para se combater as erosões e o processo de sedimentação, que, segundo Caiado, “estão tirando a beleza do Rio”. Entre os desafios está o fim da contaminação por esgotos que ainda são lançados, como ocorre na região de Barra do Garças.

O governador destacou ainda que outra prioridade é ampliar a área de proteção às nascentes do rio, com o replantio de árvores nas matas ciliares, aproveitando a chegada do período de chuva para avançar nas ações protetivas. “A distância a ser preservada é de acordo com a largura do leito. No caso do Araguaia, são 500 metros de cada lado”, detalhou o governador, referindo-se aos estados de Goiás e Mato Grosso.

Georg Witschel elogiou a iniciativa uma vez que, na sua avaliação, “o futuro é a água”. Caiado completou a reflexão. “Se não preservamos, o que será do Brasil amanhã, se hoje nós já temos dificuldades de atender a demanda de água?”, concluiu. Caiado e Gracinha também aproveitaram para apresentar à comitiva, e pedir apoio, aos projetos articulados pelo Gabinete de Políticas Sociais do Governo de Goiás, coordenado pela primeira-dama. A partir do Índice Multidimensional de Carência das Famílias de Goiás (IMCF), são implantadas ações com o objetivo de levar desenvolvimento social e econômico para as regiões mais vulneráveis do Estado.

A reunião contou ainda com a participação da embaixatriz da Alemanha, Sabine Anne Witschel; do cônsul do Estado de Goiás, William O’Dwyer, e a consulesa Anne O’Dwyer; além do Assessor Especial de Relações Internacionais do Estado de Goiás, Giordano Souza.

Nova Zelândia

Nesta sexta-feira o governador Caiado recebeu ainda o embaixador da Nova Zelândia no Brasil, Christopher Langley. Acompanhado pela assessora de Políticas Públicas da embaixada, Patrícia Vilarouca de Azevedo, o embaixador apresentou ao governador o trabalho desenvolvido, em parceria com a embaixada na Fazenda Kiwi, na cidade de Anápolis. A fazenda Kiwi é uma propriedade modelo na produção leiteira, inspirada na pecuária de leite da Nova Zelândia, que é considerada referência global. A embaixada neozelandesa mantém um Centro de Treinamento em Produção de Leite no local, que oferece cursos de capacitação para aumento da produção, ministrados por especialistas neozelandeses.

 

Compartilhe no Facebook
Compartilhe no Twitter
Please reload